Acessibilidade

Central de Atendimento: (84) 4020-7890

9 de Maio de 2014 16:28

Alunas de Nutrição apresentam preparações sem glúten com biomassa de banana verde

As alunas do curso de Nutrição da UnP, Andressa Kelly Vieira, Andreza Rodrigues e Cloe Rachel  Bezerra, apresentaram o  trabalho intitulado “Desenvolvimento de preparações isentas de glúten elaboradas com biomassa de banana verde” durante o  III Congresso Internacional de Nutrição Especializada (COINE-2014), realizado no Rio de Janeiro – RJ, entre os dias 24 e 26 de abril.  O trabalho teve a coautoria das alunas Joice Samara e Samantha Cristina, sob a orientação da Professora Diana Quitéria.

De acordo com a professora, o trabalho procura beneficiar pessoas que apresentam doença celíaca. “O público que procuramos atingir são os indivíduos que apresentam a doença celíaca, em que o paciente apresenta intolerância ao glúten e com isso não podem consumir alimentos como bolos e biscoitos que utilizam a farinha de trigo (que contém glúten) na sua preparação original, sendo essas preparações com biomassa de banana verde opções saudáveis para substituir tais preparações”, explicou a docente, acrescentando ainda que “a perspectiva é desenvolvermos preparações isentas de glúten e lactose, voltadas também para pessoas com intolerância à lactose”.

As preparações já desenvolvidas pelo grupo foram várias, como brigadeiro, cremes e sorvetes, mas neste evento foram apresentados brownie e cookies.  A professora explicou ainda sobre a biomassa de banana verde e seus benefícios. “A biomassa é um purê de banana verde e pode ser facilmente preparada em fornos convencionais ou industriais. Ela atua como poderoso espessante, auxiliando no tratamento de pessoas com disfagia, além de elevar o conteúdo nutricional, especialmente de fibras, vitaminas e minerais”, disse.

A escolha da biomassa nas preparações justifica-se por diversos motivos. “A adição da biomassa de banana verde não modifica de forma significativa as características organolépticas dos pratos por não apresentar sabor, cor e odor forte. As principais propriedades funcionais da biomassa estão relacionadas ao seu elevado teor de amido resistente, que apresenta ação prebiótica, auxilia no controle glicêmico e aumenta a saciedade, o que pode levar a redução do peso corporal”, disse a professora.

O trabalho apresentado no Congresso Internacional de Nutrição faz parte de um projeto de pesquisa mais amplo, que envolve o desenvolvimento de um livro de receitas para ser utilizado nas consultas da equipe de Nutrição do Centro Integrado de Saúde da UnP – CIS . “Nesta primeira etapa, o grupo está elencando as preparações e testando suas características químicas e organolépticas. O passo seguinte será a realização dos testes de análise sensorial das preparações, que envolverá indivíduos portadores da doença celíaca e pessoas saudáveis. A literatura mostra grande aceitação de preparações elaboradas com a biomassa de banana verde”, concluiu a professora.