Acessibilidade
24 de julho de 2018 10:10

Alunos de Odontologia participam de pesquisa na USP

Integração com a UnP foi possível graças à parceria com o Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia

Os alunos do Curso de Odontologia Alana Ghiotto Gonçalves e Everardo de Lucena Alves Neto, ambos da 6ª série, levaram a experiência universitária até a maior cidade do Brasil. Eles são alunos de Iniciação Científica (IC) da UnP, vinculados ao Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia (PPGB), e estão na Universidade de São Paulo (USP) participando de uma pesquisa realizada através da parceria entre as duas instituições de ensino. Os trabalhos estão inseridos na área da nanobiotecnologia e consiste no preparo e utilização de formulados desenvolvidos a base de produtos naturais, objetivando diferentes aplicações odontológicas.

Os materiais desenvolvidos poderão ser usados no tratamento de problemas como, por exemplo, a mucosite, doença periodontal e no capeamento pulpar direto. As coordenadoras da pesquisa Profa. Dra. Maria Aparecida Maciel (PPGB-UnP) e Profa. Dra. Márcia Martins Marques (PPG-USP) afirmam que os produtos possuem baixas concentrações dos bioativos vegetais e têm ação terapêutica prolongada e controlada, com consequente redução de riscos toxicológicos para uso oral e tópico. Esta parceria já resultou em quatro pedidos de patentes junto ao Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (Inpi).

Dando continuidade aos procedimentos experimentais, os estudantes de Graduação chegaram à USP no dia 16 de julho e passarão cerca de duas semanas em atividade, sendo certificados por isso. A experiência é de importância única para a formação, em virtude de poderem desfrutar do melhor que a Universidade de São Paulo poderá oferecer e também pelo intercâmbio de informações, vivências e novas metodologias que podem e serão aplicadas para o aprimoramento da pesquisa científica na UnP.

“A vivência está sendo singular, tivemos uma recepção maravilhosa e contamos com uma infraestrutura primordial”, afirma Everardo. “A USP possui o título de melhor Faculdade de Odontologia do Mundo, eleita em 2017, então, tanto corpo docente, quanto infraestrutura necessária para o aprimoramento das pesquisas e do pesquisador são, sem sombra de dúvidas, de excelência”, complementa Alana.

Incentivo à Pesquisa
A atividade aumenta a gama de conhecimento técnico-científico nas áreas de pesquisa. O PPGB-UnP tem como objetivo incentivar a prática da pesquisa como elemento integrante e modernizador dos processos de ensino-aprendizagem em toda a Educação Superior, inclusive com a participação de alunos de Graduação no desenvolvimento de pesquisas. “Os projetos de IC produzem de forma eficiente a interação entre o ensino e a pesquisa, estimulando os nossos docentes e pesquisadores à produção científica, proporcionando a aprendizagem de técnicas e métodos científicos”, afirma a Coordenadora Stricto Sensu do PPBG, Profa. Dra. Amália Rêgo.

A coordenadora do projeto Profa. Dra. Maria Aparecida Maciel, declara que a integração entre Graduação e Pós-Graduação é também uma exigência da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) cumprida com iniciativas como esta realizada com o Curso de Odontologia. “Os alunos de graduação que desenvolvem pesquisas de IC são os futuros candidatos a ingressarem nos programas de Pós-Graduação e chegam com uma carga prévia de capacitação. Assim, para estes alunos, o desenvolvimento da pesquisa de Pós ocorre de forma rápida e eficiente”, explica.

As pesquisas são desenvolvidas com a participação de outros colaboradores, com destaque para os professores: Amália Rêgo (PPGB-UnP), Irami Araújo Filho (PPGB-UnP), Francisco Humberto Xavier Júnior (PPGB-UnP), Rejane Andrade de Carvalho (UFRN), Valdir Florêncio da Veiga Junior (IME-RJ); e participação dos doutorandos Ciro Dantas Soares (PPG-Unicamp), Melyssa Lima de Medeiros (UnP e UFRN-rede Renorbio),  Magnaldo Inácio Tavares Medeiros (UnP e UFRN-rede Renorbio), e Joherbson Deivid dos Santos Pereira (UFRN-rede Renorbio).