Acessibilidade

Central do Candidato: (84) 4020-7890 / Central do Aluno: (84) 3227-1234 +

+

22 de outubro de 2015 18:06

Artigo – Arte de Ser Feliz

De uma comunidade situada em uma pequena cidade no interior do Rio Grande do Norte surge uma daquelas pessoas gigantes. Aos 23 anos, Camila Melo Dantas conquistou algo que todos nós lutamos a vida toda: respeito e reconhecimento. A jovem, natural do município de Areia Branca, abraçou o desafio que é envolver crianças e jovens em atividades extraclasse, ajudando a diminuir os índices de criminalidade naquele local.

Problemas que antes só encontrávamos em cidades grandes, infelizmente também preocupam municípios menores. Hoje enfrentamos no mundo muitos problemas sociais que chegam facilmente à vida das crianças e jovens, como é o caso das drogas, do álcool, da prostituição, entre outros. Tentar levar conhecimento e mais oportunidades para que eles não caiam nas armadilhas da vida é a luta do projeto “Arte de Ser Feliz”, idealizado por Camila, que tem como foco a comunidade de Redonda.

E é através de oficinas de futsal, dança, vôlei, capoeira, leitura e recreação que crianças e adolescentes ocupam o tempo ocioso fora do turno escolar. O projeto leva até eles educação, cultura, esporte e atividades de lazer, diminuindo os momentos de “mente vazia” e agregando valores como respeito e cidadania às suas vidas.

A beleza do trabalho desenvolvido por Camila foi reconhecida pelo Prêmio Laureate Brasil, que incentiva atividades empreendedoras de impacto social positivo. Foi através do Ensino Superior que a jovem enxergou um novo mundo, com novos ideais e sonhos. Estudante do curso de Administração da UnP, ela compartilha as ferramentas e metodologias aprendidas em sala de aula com o grupo de amigos que dividem com ela as tarefas de organizar, agir e ajudar a gerir o “Arte de Ser Feliz”.

Se mudar o mundo é o sonho de muitos jovens, a jovem potiguar, nascida na Costa Branca do estado, mostra que sim! É possível arregaçar as mangas e fazer a diferença. Nós nunca teremos ideia de quantas vidas serão transformadas a partir de pequenas ações. Longe do risco social, essas crianças crescerão e terão a oportunidade de se desenvolverem educacional e moralmente.

A grandeza da iniciativa de Camila será compartilhada com outros jovens empreendedores sociais em novembro, quando ela irá até Salvador receber o Prêmio. O projeto ganha ainda visibilidade nacional e internacional, uma vez que passar a fazer parte da rede de programas interligados ao YouthActionNet, da rede Laureate.

Quer prova maior que dar as mãos e caminhar juntos pode transformar vidas? Proporcionar a felicidade é uma arte que precisa ser cada vez mais difundida. Nos cabe apoiar e fazer a nossa parte para construir um lugar melhor para as próximas gerações.