Acessibilidade

Central de Atendimento: (84) 4020-7890

3 de junho de 2015 18:38

Artigo – Dia Mundial do Meio Ambiente. Que mundo queremos deixar para os nossos filhos?

“A proteção e o melhoramento do meio ambiente humano é uma questão fundamental que afeta o bem-estar dos povos e o desenvolvimento econômico do mundo inteiro, um desejo urgente dos povos de todo o mundo e um dever de todos os governos”. Este é um trecho da Declaração de Estocolmo, estabelecida durante a Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente Humano, realizada em 1972, quando a Organização das Nações Unidas (ONU) instituiu o Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado, desde então, no dia 5 de junho.

É notório que de lá para cá ocorreram avanços em prol do meio ambiente, mas é ainda mais notório o quanto nós, humanos, temos colaborado, mesmo que inconscientemente, para a degradação a passos largos dos nossos ecossistemas.

De acordo com dados recentes divulgados pela imprensa, o desmatamento na Amazônia aumentou mais de 200% no último ano. A produção de lixo no país é crescente, chegando a volumes exorbitantes, e nem sempre com destinação adequada. Além disso, outros fatores colaboram fortemente para o agravamento da situação, como a falta de soluções robustas de coleta seletiva e de projetos de reciclagem, o consumo exagerado de recursos naturais, uso de combustíveis fósseis, o desperdício de água e esgotamento do solo, por exemplo. Por falar em água, todos estamos acompanhando a crise do abastecimento em todo o país.

Como costumo fazer a respeito de todos os pontos que considero relevantes e envolvem a natureza humana, me fiz muitos questionamentos sobre como colaborar para que o mundo sofra menos interferência a partir de mim, da minha família e daqueles que vivem ao meu redor. Uma questão simples me fez pensar que o problema do meio ambiente é algo ainda mais delicado quando me fiz a seguinte pergunta: que mundo quero deixar para os meus filhos?

É comum queremos o melhor para os nossos descendentes, mas será que fazemos algo para que realmente isso aconteça? Aqui não falo da herança material, mas daquela que dinheiro nenhum é capaz de pagar: saúde e qualidade de vida.

O que tem o meio ambiente com isso? Absolutamente tudo. O ar que respiramos e a água que bebemos são alguns dos principais elementos que nos mantém vivos e saudáveis.

Por isso, amigos, convido-os a refletir sobre esse tema. Não só nesta semana em que celebramos o Dia Mundial do Meio Ambiente, mas em todos os dias das nossas vidas.

É nosso papel colaborar individualmente e em coletividade para que possamos ter um planeta sustentável. Essa mudança de comportamento deve partir de nós, da nossa casa. É do exemplo que damos aos nossos filhos que depende o futuro.