Acessibilidade
13 de agosto de 2015 18:14

Artigo – Empresas Juniores promovem carreiras empreendedoras

Um dos maiores desafios dos jovens em início de carreira consiste na necessidade de vivenciar experiências profissionais que sejam verdadeiramente enriquecedoras para o seu aprendizado e currículo e, normalmente, se buscam estágios para suprir essa lacuna.

Entretanto, dependendo da cultura e estrutura da empresa que recebe o estagiário, nem sempre ele vai ter a oportunidade de demonstrar todo o seu valor e capacidade de contribuição, além de, efetivamente, adquirir novos conhecimentos.

Então, para universitários que desejem ter experiências desafiadoras e adquirir conhecimentos práticos na sua área, um dos caminhos mais interessantes é participar de uma Empresa Júnior.

Entende-se por Empresa Júnior uma associação de estudantes de determinado curso e universidade que se organizam em torno da ideia de aprender o dia a dia da sua profissão colocando a mão na massa por meio de projetos de consultoria para empresas ou órgãos do poder público.

Sempre orientados por professores, os alunos conseguem compreender e intervir de forma criativa e eficaz para a solução de problemas organizacionais com algum grau de complexidade.

As primeiras Empresas Juniores surgiram na França, ao final da década de 1960, chegando no Brasil cerca de 20 anos depois, rapidamente se espalhando no território nacional, pois os alunos reconheciam nesse espaço a oportunidade de crescer profissionalmente, e as empresas, de resolverem seus problemas além de identificarem talentos com perfil empreendedor.

Criada em 2003, a Confederação Brasileira de Empresas Juniores representa cerca de 11 mil participantes organizados em torno de mais de 230 empresas locais.

Aqui no Estado o movimento é particularmente forte na UFRN e está se fortalecendo também na Universidade Potiguar – UnP, que já conta com Empresas Juniores nos cursos de Administração, Ciências Contábeis e Relações Internacionais.

Ademais, estão sendo gestadas mais Empresas no município de Mossoró. Na Escola da Saúde UnP surge, também, uma iniciativa com foco no Curso de Nutrição.

Essa parceria entre a UnP e o movimento júnior vai dar mais um passo importante, uma vez que a sede da Federação das Empresas Juniores do RN passa a operar no espaço do Centro de Empreendedorismo – Empreende.

Com mais essa parceria espera-se que outros estudantes do nosso Estado possam ter a oportunidade de se lançar cada vez mais cedo em uma carreira empreendedora.