Acessibilidade
22 de Fevereiro de 2013 15:55

Comunidade Acadêmica da UnP participa de mais uma edição do Projeto Rondon

Alunos e Professores da Universidade Potiguar participaram durante o mês de janeiro de mais uma edição do Projeto Rondon, desenvolvido pelo Governo Federal através do Ministério da Defesa. A UnP esteve presente com os seus estudantes e docentes dos cursos de Enfermagem, Medicina, Fisioterapia, Nutrição, Educação Física e Odontologia.

O projeto realiza ações de integração social, envolvendo a participação voluntária de universitários, na busca de soluções que contribuam para o desenvolvimento sustentável de comunidades carentes e ampliem o bem-estar da população de diferentes regiões brasileiras.

Esta é a terceira vez que a UnP participa da programação, contribuindo em ações do Conjunto A, o qual cobre atendimento nas áreas de Saúde, Educação, Direitos Humanos, Cidadania e Cultura. Em 2013, o trabalho foi realizado no município sergipano de Simão Dias, dentro da Operação São Francisco – 2013. Os potiguares estavam em parceria com colegas do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul – IFRS, Campus Sertão, responsáveis pelo Conjunto B (Comunicação, Produção, Trabalho e Meio Ambiente e Tecnologia).

Os atendimentos foram oferecidos para uma população de aproximadamente 40 mil habitantes, residentes na cidade do Agreste Sergipe. O envolvimento da equipe do Rio Grande do Norte teve início com a submissão e aprovação dos projetos desenvolvidos por alunos e professores, selecionados por representantes dos Ministérios da Defesa, do Desenvolvimento Agrário, do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, da Educação, do Esporte, da Integração Nacional, do Meio Ambiente, Saúde e da Secretaria-Geral da Presidência da República.

120 instituições foram selecionadas entre 400 que se candidataram para participar. Após esse processo uma nova seleção foi realizada para a escolha de 20 alunos que integrariam a equipe da ACISO, ação desenvolvida em Navio da Marinha Brasileira em comunidades ribeirinhas no interior do país. A estudante Rafaella Cristiny Dias de Melo, do curso de Nutrição da UnP, foi uma das escolhidas para o embarque.

O Professor Dr. João Bosco Filho, Coordenador do Projeto, esteve a frente do grupo da UnP, sendo o responsável pelo mapeamento prévio da cidade de Simão Dias e da seleção dos alunos para o programa, além de ter planejado e articulado as ações. “O Projeto Rondon atua como um fisioterapeuta da solidariedade, capaz de animar sonhos e esperanças, e despertar nos seres humanos envolvidos o amor pela vida com cidadania”, explicou.   

Os estudantes e professores tiveram a oportunidade de desenvolver competências e habilidades técnicas em seus campos de atuação, assim como fortalecer aspectos humanísticos da profissão, construindo uma consciência crítica e reflexiva diante da realidade. A troca de experiência com outras culturas, bem como o encontro com outros saberes nas oficinas, atividades de cinema na praça, dança na rua, conversas na calçada entre outras ações, também fazem parte do programa que teve como slogan “Projeto Rondon: uma sala de aula com mais de 8 milhões de km2.”

Participaram da equipe os estudantes Thiago Oliveira, Rosekhetellyn de Souza, Ana Katarina Sobreira, Islania Verissimo (Enfermagem), Rafaella Cristiny Dias de Melo (Nutrição) Rodrigo Lima, Wyllia Gurgel (Medicina), Alexandre Magno (fisioterapia) e José Saturnino (odontologia), sob a coordenação dos Professores Thiago Renée (Educação Física) e João Bosco Filho (Enfermagem). Clique aqui e confira fotos.