Acessibilidade

Central de Atendimento: (84) 4020-7890

26 de Março de 2018 10:32

Curso de Produção em cinema será realizado na Unidade Roberto Freire

A Universidade Potiguar sedia, entre os dias 9 e 13 de abril, o curso de “Produção geral de cinema”, na Unidade Roberto Freire. A capacitação é realizada pela parceria entre a SetCenas e o Instituto de Cinema de São Paulo. As aulas serão ministradas pelo produtor, roteirista e diretor Steven Phil.

As inscrições estão abertas e dúvidas podem ser tiradas através do site da SetCenas no link https://cursos.setcenas.com.br. O cronograma prevê cinco encontros e carga horária total de 18h.

O curso tem como objetivo proporcionar aos participantes, uma ideia, por meio da prática, de como funciona a indústria do Audiovisual, oferecendo um detalhamento dos assuntos relacionados as técnicas e funções dos profissionais que atuam na área, desde a captação até a distribuição dos filmes.

Sobre o SetCenas e Instituto de Cinema

O SetCenas é uma empresa de comunicação e entretenimento originada em Natal (RN), como fruto da especialização em Cinema da UFRN. Com colaboradores de diversas regiões brasileiras, seus cursos são chancelados pelo Instituto de Cinema de São Paulo (InC).

Ela foi fundada por amantes e estudiosos da Sétima Arte, e propõe falar sobre cinema de modo lúdico e narrativo, mas também com crítica e informação. A SETCenas foi criada pelos especialistas Arthur Cortês e Marcos Trindade, projeto que faz parte rol de incubados pela incubadora  Empreende da UnP.

O primeiro curso oferecido pela parceria da empresa com o instituto foi um intensivo de roteiro para cinema para mais de 30 participantes, em novembro passado.

Sobre Steven Phil

Foto: Divulgação

Steven Phil cursou Direito e posteriormente Ciências Sociais na Universidade de São Paulo com especialização em Sociologia da Ciência (Epistemologia). Por dez anos escreveu livros e ministrou aulas e palestras pelo Brasil. Em 2005 iniciou seus estudos no cinema passando por Paris, Havana e Buenos Aires. Em 2006 iniciou sua carreira de cinema na produção executiva do longa documental “Um Caminho Para Santiago”, sobre os festivais de música no nordeste argentino. Trabalhou em inúmeros projetos corporativos em pequenas produtoras de São Paulo como Script e Editora TRIP.

Atualmente assina a direção do curta “Sonho Africano”, do refugiado Darlin Menza e está produzindo os pilotos de suas séries “Quadro Negro”, com direção de Eduardo Chatagnier e “Delegacia de Defesa da Mulher” com direção de Eliane Caffé. Produz ainda a série, também ficcional, “Repulsão” com direção assinada por Érico Racci.

Recentemente escreveu os longas “Democracia Corinthiana” com Marcelo Andrade, da Migdal Filmes; “O Terceiro Imperador” com Julio Santi da Delicatessen; e “O Haiti é Aqui” com Mariana Tesch, ganhadora do curtas TNT de 2016. Ainda neste primeiro semestre de 2017 fará a direção de outros dois longas ficcionais, “Três Reis”, de Eduardo Moreira seguido de “Pizza”, da Motion filmes. Atualmente também escreveu e dirige o documentário internacional