Acessibilidade

Central de Atendimento: (84) 4020-7890

1 de outubro de 2014 18:36

Dia Internacional do Idoso é comemorado com palestra para a Terceira Idade na UnP

Reunir pessoas da Terceira Idade para discutir temas de seu interesse. Esse é o objetivo do Encontro “Envelhecer Vivendo com Respeito e Dignidade”, promovido através de parcerias entre várias instituições públicas e privadas que lidam com idosos. O evento ocorreu na terça-feira, 1º outubro, em comemoração ao Dia Internacional do Idoso, na Universidade Potiguar, Unidade Floriano Peixoto.

O evento contou com debate e palestras que trataram sobre os direitos e qualidade de vida para os idosos. O presidente do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Idosa, Gustavo Barreto, apresentou os desafios para quem alcança a Terceira Idade, como as limitações físicas e o preconceito da sociedade.

Entre os parceiros para a realização do Encontro, a Universidade Aberta da Terceira Idade – UnATI, esteve presente com seus alunos e professores, pessoas da terceira idade que buscam estar em constante atividade, através de cursos e eventos sociais como esse. Para a Maria Deneide G. Guedes, Coordenadora da UnATI, “o idoso de hoje tem uma visão diferente de 20 atrás, ele é ativo e busca novas atividades e espaço dentro da sociedade”. Ainda segundo Deneide, “o maior desafio é enfrentar o preconceito da população, e mostrar as potencialidade de quem alcança a terceira idade.”

Aldenora Amorim, 69 anos, é aluna da UnATI, e afirma que nunca imaginou se aposentar, pois era difícil pensar em uma vida sem atividades. Com a aposentadoria, buscou a UnATI e outras instituições que realizam cursos e ações voltadas à sua idade, e hoje tem uma rotina que inclui aulas de inglês, dança, informática, pilates, yoga e ainda participa de um coral, que a proporciona viagens e reuniões semanais.

Para a coordenadora da UnATI, “o importante é continuar a luta em prol de um envelhecimento com dignidade, e sempre buscar estar inserido na sociedade.”