Acessibilidade
7 de novembro de 2017 19:05

Finalistas do Prêmio Laureate aprendem sobre Canvas e Pitch

Jovens empreendedores sociais continuaram suas atividades conhecendo novas ferramentas para seus projetos

Os doze jovens finalistas do Prêmio Laureate Brasil 2017 continuaram as oficinas presenciais sobre Empreendedorismo Social que fazem parte da sua premiação no dia 7 de novembro. Durante o período em que eles estarão aqui serão ministradas diversas oficinas e palestras, que contribuirão para o aprimoramento de seus projetos. Na tarde do segundo dia, umas das oficinas oferecidas é “Comunicação e Pitch”, ministrada pelo Prof. da Universidade de Salvador (UNIFACS), Paulo Henrique Silva.

O professor explica que “pitch” é uma comunicação verbal rápida, com média de 3 a 5 minutos, com intuito de gerar uma interação, desenvolvendo no empreendedor a capacidade de falar do seu negócio de forma breve e eficaz, seja em competições ou petição de investimentos. “O pitch tem a ideia de que você possa estar sempre pronto para uma oportunidade que surgir, tendo sempre ele em mente, sem a necessidade utilizar outros recursos para a apresentação do seu projeto”, explica o professor.

Além do Pitch, os jovens empreendedores sociais conheceram na programação do dia um pouco mais sobre a ferramenta Canvas e participaram de uma oficina sobre Sustentabilidade Financeira.

O Prêmio Laureate faz parte de uma iniciativa global que consagra as ações dos programas Jovem Empreendedor Social Anhembi Morumbi (Região Sul e Sudeste), Jovem Empreendedor Social UnP, Jovem Empreendedor Social UNIFACS (Região Nordeste) e Jovem Empreendedor Social UniNorte (Região Norte e Centro-Oeste), pertencentes à Laureate International Universities. Além das palestras e oficinas sobre Empreendedorismo Social, os vencedores receberão uma quantia de US$ 2.000,00 (dois mil dólares) que será utilizada para financiar suas iniciativas.