Acessibilidade

Central de Atendimento: (84) 4020-7890

10 de julho de 2012 17:16

Informática Cidadã amplia sua ação na Grande Natal

A Universidade Potiguar tem como um dos seus pilares contribuir para o crescimento do Rio Grande do Norte através do acesso ao ensino superior de alta qualidade. Esse compromisso estende-se para toda a sociedade em diversos programas voltados para a comunidade externa, a exemplo do “Informática Cidadã”, que disponibiliza toda a infraestrutura da UnP para que jovens de escolas públicas da Grande Natal possam receber capacitação profissional para o mercado de trabalho.

A proposta foi criada em 2006 pelo Professor Cláudio Márcio Campos de Mendonça, que viu a necessidade de responder à demanda vinda dos estudantes da rede estadual de educação por mais conhecimento nesta área. “O projeto surgiu de uma questão pessoal. Fui aluno de escola pública e tive uma primeira oportunidade de fazer um curso de informática aqui na UnP, durante os anos 90. Ao final, fui contratado pela Universidade, onde também fiz minha graduação, e hoje sou docente da casa”, explicou.

Mendonça, que hoje também faz o seu Mestrado pela UnP, deu início a ideia numa parceria com os colégios Padre Miguelinho e Anísio Teixeira, formando as duas primeiras turmas de 20 alunos. Ao todo o “Informática Cidadã” já recebeu 1.300 estudantes, que aprendem sobre internet, programas operacionais e softwares do Pacote Office, essenciais para o ingresso em boas vagas de emprego.

Atualmente 18 escolas de Natal, São Gonçalo do Amarante e Extremoz, além de entidades da sociedade civil organizada e funcionários da UnP são atendidos. As aulas gratuitas acontecem durante quase todo o ano e o processo seletivo é realizado pelas próprias escolas, que enviam os alunos com base no seu desempenho acadêmico e perfil sócio-econômico.

“Queremos capacitar a garotada e despertas o desejo de crescer na educação, na cidadania e ter crescimento pessoal”, afirmou o Professor Cláudio Márcio. O projeto conta ainda com 5 monitores bolsistas e 10 voluntários, todos do curso de Sistemas de Informação.

“A maioria dos participantes nunca teve contato com a informática básica e aqui eles têm essa oportunidade. Temos diversos relatos de ex-alunos do ‘Informática Cidadã’ que conseguiram mudar sua perspectiva profissional e inserirem-se no mercado de trabalho”, explica o Professor Weinberg de Paiva e Souza, que juntamente com o Proessor Gedson Bezerra Nunes, é coordenador da iniciativa e docente da UnP.

Duas novas turmas de 40 alunos terão início no dia 04 de agosto, em Parnamirim, dando continuidade à expansão do programa. Também tiveram início este ano as aulas para 60 jovens da ONG Atitude e Cooperação – patrocinada pela Unimed Natal – concretizando mais uma parceria com a sociedade civil, no bairro de Felipe Camarão. As inscrições para voluntários ainda estão abertas e podem ser realizadas através do www.informaticacidada.org. Mais sobre a iniciativa estão no próprio site ou no Facebook pelo www.facebook.com/informaticacidada.