Acessibilidade

Central do Candidato: (84) 4020-7890 / Central do Aluno: (84) 3227-1234 +

+

12 de Maio de 2011 12:12

Palestrante esclarece sobre profissão de Relações Públicas

 

 O UnP EM FOCO entrevistou um dos nomes mais renomados de São Paulo, no setor de Relações Públicas, novo curso da Instituição. Proprietário da empresa XComunicação, Sérgio Ignácio, que esteve na quinta-feira (10/02), no Espaço de Eventos da unidade Roberto Freire, a convite da profa. Stella Galvão, diretora do curso de Relações Públicas da UnP, explanou para os alunos da Escola de Comunicação e Artes sobre os desafios de se manter no mercado há vinte anos.

1) O que faz um profissional de Relações Públicas?
O profissional de Relações Públicas é o executivo que faz a convergência das três ciências da Comunicação: Jornalismo, Publicidade e a Relação Pública. Ele é o maestro dessas ciências para operacionalizar o objeto de comunicação, seja de uma marca, um produto ou um serviço.
 

2) Em que o curso de Relações Públicas pode agregar às pessoas que já são formadas em Jornalismo e/ou Publicidade?
Acredito muito nesse intercâmbio de conhecimentos. Por exemplo, um jornalista que tenha as habilidades de um relações públicas passa a ter uma percepção maior do impacto da sua notícia e da responsabilidade social ao desenvolver um comunicado para a sociedade.

3) Como o senhor avalia o mercado de trabalho para essa área?
Atualmente, todos os mercados estão cada vez mais exigentes. A necessidade de uma especialização e de um entendimento em um determinado segmento é muito importante. Em se tratando de comunicação corporativa, eu acredito muito numa especialização, pois não só o mercado paulista, como também o mercado nacional está bastante competitivo. Esse profissional necessita de ferramentas bem mais modernas e de uma compreensão muito atual do seu papel na profissão. 
 

4) Qual é o segredo de se manter vinte anos no mercado de trabalho?
O mercado de Relações Públicas está cada vez melhor e as possibilidades são diversas. Aliado a isso, você tem um nível de desafio diário muito grande, pois existem excelentes profissionais no mercado. Então o exercício diário do aprendizado, novas técnicas, novas metodologias, se aprofundam nos conceitos e muito benchmarking entre empresas e profissionais. É isso que te faz ser um profissional atual, atuante e sempre pronto a enfrentar um novo desafio.

5) Trabalhar as mídias sociais é uma nova perspectiva?
Sem sombra de dúvidas. O advento da internet trouxe mais um nicho para os profissionais de comunicação. Quando eu comecei a mídia com a qual eu trabalhava se restringia a jornais, rádio, televisão e revista. Hoje a gente lida com a velocidade da internet com a mesma exigência das mídias tradicionais. É um divisor de águas e é uma nova metodologia, não dá para pensar a comunicação sem mídia digital e sem redes sociais.

 

Por Roberta Maia
Matéria publicada no jornal UnP EM FOCO nº236
De 14 a 20 de fevereiro de 2011