Acessibilidade
12 de novembro de 2013 09:43

Participante do ENADE poderá sair após uma hora de prova

O participante do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) que deixar o local de prova antes de uma hora do início da aplicação estará impedido de assinar a lista de presença e será considerado ausente. Assim, responderá pelas mesmas consequências daquele que não compareceu e ficará em situação irregular em relação ao exame.

A decisão é do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), registrada em portaria publicada nesta segunda-feira, 11, com retificação do item 3.4 do manual do exame deste ano. A mudança foi antecipada pelo ministro da Educação, Aloizio Mercadante, em 7 de outubro último.

A edição deste ano será realizada no dia 24 próximo, com a avaliação do desempenho de aproximadamente 200 mil estudantes de cursos de bacharelado em agronomia, biomedicina, educação física, enfermagem, farmácia, fisioterapia, fonoaudiologia, medicina, medicina veterinária, nutrição, odontologia, serviço social e zootecnia. O exame também avaliará os cursos de tecnólogo em agronegócio, gestão hospitalar, gestão ambiental e radiologia.

Participarão da prova:

• Estudantes dos cursos de bacharelado que tenham expectativa de conclusão do curso até julho de 2014

• Estudantes de bacharelado que tiverem concluído mais de 80% da carga horária mínima do currículo do curso até o fim do período de inscrição

• Estudantes de cursos superiores de tecnologia com expectativa de conclusão até dezembro de 2013

• Estudantes de cursos superiores de tecnologia que tiverem concluído mais de 75% da carga horária mínima do currículo até o fim do período de inscrição

Criado em 2004, o Enade integra o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes). O objetivo do exame é aferir o rendimento dos alunos dos cursos de graduação em relação ao conteúdo programático, suas habilidades e competências.

A Portaria do Inep nº 665/2013, que retifica o manual do Enade, foi publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 11, seção 1, página 32.

Fonte:clique aqui!


Portaria 

 

Ministério da Educação

INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA

PORTARIA Nº 665, DE 8 DE NOVEMBRO DE 2013

O PRESIDENTE DO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA – INEP, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo art.16, incisos I, V, VI e VIII do Anexo I, do Decreto nº 6.317, de 20 de dezembro de 2007, e pela Portaria Normativa nº6, de 27 de março de 2013, que regulamenta a aplicação do ENADE 2013, resolve:

Art. 1º. Ratificar o “Manual do Enade 2013′ como instrumento de operacionalização das ações referentes ao Enade 2013, disponibilizado desde 31 de maio de 2013, nos termos do art.3º, §2º, da Portaria Normativa MEC nº06, de 27/03/2013.

Art. 2º. Retificar o item 3.4 do referido manual. 

Onde se lê: 

“A participação no Enade 2013 será atestada a partir da assinatura do estudante na lista de presença de sala e no cartão de respostas às questões objetivas da prova. Deixar o local de prova sem o cumprimento das formalidades de identificação e registro de presença pode comprometer a regularidade junto ao Enade 2013. O estudante somente poderá sair da sala após 1 hora do inicio da prova”.

Leia-se: 

“A participação no Enade 2013 será atestada a partir da assinatura do estudante na lista de presença de sala e no cartão de respostas às questões objetivas da prova. O estudante que deixar o local de prova antes de 1 (uma) hora do início de sua realização não poderá assinar a lista de presença e será considerado “ausente”, respondendo pelas mesmas consequências daquele que não compareceu ao exame; ou seja, ficará em situação irregular junto ao Enade 2013. A lista de presença poderá ser disponibilizada aos estudantes somente após 1 (uma) hora do início da prova”.

Art. 3º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.

LUIZ CLÁUDIO COSTA

(DOU nº 219 segunda-feira, 11 de novembro de 2013, Seção 1,Página 32)