Acessibilidade

Central do Candidato: (84) 4020-7890 / Central do Aluno: (84) 3227-1234 +

+

1 de dezembro de 2017 16:39

Primeira turma de Fotografia é um marco para profissão no estado

A exposição dos trabalhos de conclusão encerra as atividades da turma

O primeiro curso de Graduação em Fotografia do Rio Grande do Norte lança no mercado potiguar 23 profissionais com Conceito 4 pelo MEC. No dia 30 de novembro foi realizada a vernissage da exposição Multiverso Fotográfico com os trabalhos dos alunos. A atividade é a parte prática do TCC (Trabalho de Conclusão de Curso). As obras ficam expostas até 15 de dezembro na Pinacoteca Potiguar.

Usando as técnicas da foto montagem e foto colagem, Mariana Vieira, denuncia o sofrimento causados aos animais abatidos para o consumo humano. “Eu acredito que os animais têm os mesmos direitos que nos humanos. Eles não têm poder da fala. Mas nós temos como evitar o seu sofrimento. Quis fazer em minhas obras essa ligação, mostrado que tanto o animal, como nós sofremos com isso ” relata Mariana Vieira, expositora da coleção “Amar ou comer: da empatia á apatia”.

Os trabalhos que são apresentados na exposição mostram tendências para a fotografia.  Além de professores e familiares dos alunos, o evento reuniu diversos artistas, modelos e amantes da arte da fotografia.

Um dos mais conceituados fotógrafos do estado, Canindé Soares, foi um dos visitantes no lançamento da mostra e destacou o marco para a história da fotografia. “ Ter essa experiência acadêmica para a fotografia é muito importante. Tenho 40 anos na área, mas vi aqui hoje muitas ideias novas. É um olhar novo sobre a fotografia, usando-a como forma de denuncia também. São excelentes trabalhos. Estão de parabéns”, destaca Canindé.

A frente da Graduação, o professor Henrique José aproveitou o memento para agradecer. “Estamos muito felizes. Queremos agradecer a vocês porque acreditaram nessa ideia. Se não tivessem acreditado, não estaríamos aqui esta noite. Faço isso em nome de todos os professores. Pela belíssima obra que todos trouxeram para esse evento”, agradeceu o professor do curso.

O homenageado da noite foi o fotografo Francisco Noberto, mas conhecidos pelos alunos como Chico. Ele recebeu um troféu em reconhecimento a sua dedicação e empenho, na função de técnico de laboratório. “É sempre prestativo e está sempre à disposição dos alunos”, comentou Henrique José ao entregar o troféu.

“Agradecemos a cada um dos alunos. Essa é a primeira turma e com certeza ficará marcada na história da fotografia potiguar. Cada um de vocês [alunos] foram os desbravadores dessa ideia. Antes desse curso terminar, o MEC vem para validar e dar uma nota. E o nosso curso conseguiu o conceito 4. E todos vocês estão de parabéns”, falou sob aplausos dos presentes o professor Francisco de Paula, coordenador da Escola de Comunicação e Artes.

As obras dos alunos ficam em exposição na Pinacoteca Potiguar até o dia 15 de dezembro. O espaço está aberto das 8h ás 17h, de segunda a sexta-feira, e das 9h às 15h, aos sábados e domingos. A entrada é gratuita e aberta a toda população.

Fotos: Alex Fernandes 

Notícias relacionadas

Curso de Fotografia conquista conceito 4 do MEC

Aluna fotografa em ação humanitária crianças com lábio leporino

Aluno de Fotografia conquista prêmio em festival nacional

Curso de Fotografia promove exposição na Pinacoteca Potiguar