Acessibilidade

Central do Candidato: (84) 4020-7890 / Central do Aluno: (84) 3227-1234 +

+

19 de dezembro de 2018 17:01

Professores do PPGB iniciam atividades de pesquisa de combate ao câncer

Em parceria com Universidade internacional, professores da UnP estão realizando estudos para o tratamento de doenças neurodegenerativas

Após parceria firmada entre o Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia da UnP (PPGB) e a University College London (UCL) – School of Pharmacy, foram iniciadas as atividades de pesquisa para combater o câncer e doenças neurodegenerativas, por meio do uso da nanotecnologia associada ao desenvolvimento de produtos naturais obtidos através de plantas do Nordeste.

Na primeira etapa da pesquisa, o professor Dr. Francisco Humberto Xavier Junior irá atuar na produção de nanopartículas, que contém diversos ativos terapêuticos naturais isolados, que foram desenvolvidos pelas professoras Dra. Maria Aparecida Medeiros Maciel e Profa. Dra. Amália Cínthia Meneses do Rêgo, todos são docentes da Universidade Potiguar.

Posteriormente a produção e caracterização ideal requerida, serão realizados estudos de aplicação pré-clínica para o tratamento de câncer e doenças neurodegenerativas. A profa. Amália Rêgo comenta sobre a importância desse projeto e de seus possíveis resultados. “Este projeto visa consolidar uma importante parceria de pesquisa entre a UnP (PPGB) e a UCL, que ajudará na expansão da ciência potiguar no cenário internacional, através da produção de artigos de alto impacto científico”, explicou.

Sobre a parceria
O PPGB UnP firmou uma parceria, em setembro, com o Prof. Dr. Andreas Schatzlein, da University College London (UCL). A instituição tem tradição milenar no Reino Unido, sendo uma das principais universidades de pesquisas multidisciplinares do mundo. A pesquisa contemplará o desenvolvimento de produtos naturais obtidos através de plantas do Nordeste e que poderão ter aplicação pré-clínica no combate ao câncer e doenças neurodegenerativas.

A parceria se deu por meio do Prof. Dr. Francisco Humberto Xavier Junior se estendendo às Profa. Dra. Maria Aparecida Medeiros Maciel e Profa. Dra. Amália Cínthia Meneses do Rêgo, que estarão desenvolvendo pesquisa integrada na área da biotecnologia de fármacos.

Notícias relacionadas
Mestrado em Biotecnologia firma parceria com Universidade de Londres