Acessibilidade
12 de Abril de 2018 18:23

Projeto Innovation House traz desafios reais de uma empresa para a sala de aula

Com o objetivo de realizar uma ligação entre os conteúdos de sala de aula e os desafios reais de uma grande empresa, a UnP firmou parceria com a Leroy Merlin, multinacional francesa com loja instalada em Natal, para o desenvolvimento do projeto Innovation House. Através da iniciativa, alunos da Escola de Gestão e Negócios irão desenvolver soluções para a empresa na área de Processos e Recursos Humanos. A iniciativa irá contribuir para atrair talentos (Talent Acquisition) e garantir total interação entre o conhecimento dos alunos e as estratégias de negócios.

O projeto proporcionará a geração de valores para a empresa campo, a Instituição Educadora e possibilita uma oportunidade de aplicação prática para os alunos. A ideia surgiu a partir de uma parceria firmada entre o Coordenador de Carreira Empreendedora do Empreende, Prof. Daniel Medeiros, e a responsável pelo setor de Recursos Humanos da Leroy Merlin e ex-aluna da UnP, Rafaela Dantas.

Rafaela explica que o objetivo não é apenas preencher uma posição. “Queremos suprir as necessidades da empresa, construindo em paralelo uma nova ferramenta de atratividade de jovens talentos e grandes Potenciais”. Alinhada ao Diretor da Loja Natal, ela acredita que ao final do projeto, a depender do desempenho dos jovens e dos produtos apresentados, poderemos fazer a contratação de um dos participantes, em oportunidades estratégicas da Loja.

Para o Coordenador do Empreende, Prof. Marcelo Bandiera, a parceria permitirá a tangibilização do DNA Empreendedor da UnP, proporcionando ao aluno a oportunidade de resolver problemas reais do mercado e contribuir diretamente com a sociedade. “Ao se engajar no projeto, o aluno estará na vitrine para uma das maiores empresas do mercado, gerando uma excelente oportunidade de carreira”, complementa o Prof. Daniel Medeiros.

A Coordenadora de Qualidade Acadêmica da UnP, Profa. Karen Montenegro, comenta: “O projeto possibilita ao aluno uma atuação mercadológica ao demonstrar a empresa suas competências, favorecendo a abertura de um espaço de construção e ainda contribui significativamente para o processo de desenvolvimento organizacional”.