Acessibilidade

Central do Candidato: (84) 4020-7890 / Central do Aluno: (84) 3227-1234 +

+

16 de abril de 2019 17:11

Tragédia em Brumadinho é tema do XV Concurso de Sustentação Oral

Durante o evento, dez alunos participantes tinham como responsabilidade defender, ou não, a mineradora Vale

Um dos maiores e mais esperados eventos do curso de Direito, promovido pelo Núcleo de Prática Jurídica (NPJ), o Concurso de Sustentação Oral chega em sua 15ª edição e reúne mais de 400 estudantes. Realizado no dia 15 de abril, no Espaço de Eventos da Unidade Roberto Freire, a atividade é uma oportunidade de simular a defesa de teses jurídicas, aplicando na prática os conhecimentos adquiridos em sala de aula.

De acordo com Coordenadora do NPJ/UnP, Marília Mascena, dez alunos matriculados em disciplinas de Práticas Jurídicas, tinham como responsabilidade defender, ou não, a mineradora Vale, em relação a tragédia ocorrida em Brumadinho. “Escolhemos esse tema por ser um assunto atual e que mobilizou o país. Esse caso tem uma vertente jurídica muito forte, exigindo dos nossos estudantes não apenas o senso técnico jurídico, mas também humanista”, explica.

Compondo a Comissão Julgadora, estavam presentes diversos profissionais da área jurídica, como o Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil no Rio Grande do Norte (OAB/RN), Aldo Medeiros. “Estou muito feliz em participar dessa atividade que a UnP proporciona, porque entendo a importância da sustentação oral para os profissionais do direito, pois ela pode modificar todo resultado de um julgamento”, comenta.

Para o estudante da 7ª série, Luiz Carlos, a oportunidade é extremamente importante para o desenvolvimento profissional dos alunos. “O Concurso é uma oportunidade ímpar que a Universidade nos oferece. É muito importante, para nós que estamos apresentando, ter convicção daquela tese que se defende, seja do ministério público ou dos advogados”, declara.