Acessibilidade

Central do Candidato: (84) 4020-7890 / Central do Aluno: (84) 3227-1234 +

+

6 de junho de 2016 11:06

UnP inaugura primeira Sala de Apoio à Amamentação de Natal

Em conformidade com as recomendações da Organização Mundial da Saúde, a Universidade Potiguar inaugura na próxima quinta-feira, dia 9 de junho, a Sala de Apoio à Amamentação, na Unidade Salgado Filho. A cerimônia de inauguração acontece às 9h, com a presença de autoridades da saúde municipal e estadual, e de membros da Universidade.

Seguindo seus princípios, em defesa dos direitos humanos e pelo exercício pleno da cidadania, a UnP é a primeira Instituição privada a oferecer a Sala de Apoio à Amamentação em Natal, dando continuidade à iniciativa já implantada no Campus Mossoró em 2015. A Sala da Unidade Salgado Filho é fruto de uma parceria entre a Universidade com a Secretaria Municipal de Saúde de Natal e a Coordenação Estadual do Aleitamento Materno da SESAP.

Diretora da Escola da Saúde da UnP, a Professora Dra. Amália Rego afirma que “não é novidade que os benefícios do leite materno para a saúde do bebê são garantidos quando a amamentação ocorre de forma exclusiva até os 6 meses de vida, como recomenda a Organização Mundial da Saúde. No entanto, nem sempre essa orientação é seguida à risca. Sabendo da importância, nós da Escola da Saúde da Universidade Potiguar, criamos este espaço para garantir uma assistência prioritária à mãe e ao seu bebê.”

A estrutura chega para atender aos direitos das mães trabalhadoras que amamentam, permitindo que docentes, colaboradoras e alunas da UnP deem continuidade ao aleitamento materno após o retorno às atividades acadêmicas ou profissionais. Além de ser um ambiente novo, pensado no conforto e acolhimentos das mães e dos seus bebês, a estrutura também contará com uma equipe capacitada para auxiliar as mulheres na ordenha manual e armazenamento do leite materno quando houver necessidade. A Sala da UnP também será um posto de coleta para a doação de leite aos bancos de Natal e Grande Natal, o que intensifica a necessidade da campanha de arrecadação de frascos para armazenamento de leite materno.