Acessibilidade
9 de Maio de 2018 18:31

XIII Concurso de Sustentação Oral premia alunos de Natal

Alunos concorreram diante de uma banca formada por juristas renomados

Dez alunos do Curso de Direito do Campus Natal concorreram na 13ª Edição do Concurso de Sustentação Oral, realizada no dia 4 de maio, na Unidade Roberto Freire. Os cinco melhores colocados receberam certificados de mérito acadêmico e horas complementares. Entre os vencedores estão Deyvisson Mikael, Valéria Valcomer, Rafael Andrew, Filipe Rocha e Luis Carlos, aluno da 5ª série e primeiro colocado do Concurso.

A banca da comissão Jurídica desta edição contou com a presença de seis renomados juristas de diferentes áreas, entre eles Glauber Pessoa Alves, Juiz Federal da Seção Judiciária do Rio Grande do Norte e Coordenador dos Juizados Especiais Federais do Estado; Paulo Coutinho, Presidente da OAB/RN; Karina Leite, Delegada da Polícia Civil; Mariana Rebello Cunha Melo de Sá, Promotora Corregedora do Ministério Público Estadual; Assis Rogério Maia Fernandes, Professor Universitário e Professor de Cursos Preparatórios para Cursos e OAB; e Fabiola Lucena Maia, Defensora Pública do Estado do Rio Grande do Norte.
Segundo a Coordenadora do Núcleo de Práticas Jurídicas (NPJ), Profa. Marília Almeida, o concurso acontece todos os semestres, variando a temática. Dessa vez, o objeto de discussão foi mesclado entre Direito Constitucional e Direito Penal e teve entre 700 e 800 alunos na plateia.

Os alunos simularam que estavam perante o Supremo Tribunal Federal (STF) para defender posições e foram divididos entre Procuradores de Justiça e Advogados particulares.

Através do evento, o aluno sustenta oralmente teses jurídicas, aplicando na prática os conhecimentos adquiridos em sala de aula. A participação no concurso pode também estimular o desenvolvimento das capacidades técnicas e persuasivas do estudante, além despertar seu o interesse de falar em público.

Ainda de acordo com a Profa. Marília, os alunos foram muito corajosos em participar do evento, e ressalta que a experiência proporciona uma vivência e aprendizado único para os estudantes.